Resumo do episódio #2.05 de Big Little Lies: “Kill Me”

No quinto episódio de Big Little Lies, Renata lida com as consequências dos problemas legais de Gordon enquanto ajuda Celeste à enfrentar a ameaça de Mary Louise que visa separa-la dos filhos, enquanto Jane ainda tenta lidar com a questão de intimidade com Corey, Madeline continua à buscar soluções alternativas para reconciliar-se com Ed e Bonnie se vê confrontada por seu doloroso passado.

jsvfppbihozfw7ogyoid.jpg

O episódio traz a primeira audiência de Celeste (Nicole Kidman) e Mary Louise (Meryl Streep) diante da juíza da vara de família. Assistidas por seus respectivos advogados, Katie Richmond (Poorna Jagannathan) e Ira Farber (Denis O’Hare), Celeste não sente firmeza da parte de sua advogada, indicada por Renata (Laura Dern), que nada diz quando Mary Louise faz um discurso sobre como deseja resolver a questão o quanto antes para o bem dos netos Max (Nicholas Crovetti) e Josh (Cameron Crovetti). Enquanto isso, Renata é excluída do artigo da revista Women on Top por conta dos problemas legais de Gordon (Jeffrey Nordling), e Madeline (Reese Whiterspoon) tenta um grupo alternativo de reconciliação de casais com Ed (Adam Scott), o qual não funciona como o esperado. Os dois riem da furada em que se meteram, mas não demora muito para a relação voltar à esfriar quando Ed deixa claro que tem duas escolhas, e nenhuma delas é boa. Nesse meio tempo, Bonnie (Zoë Kravitz) é confrontada por seu passado quando revelado que Elizabeth (Crystal Fox) a agredia fisicamente, e seu pai, Martin (Martin Donovan), jamais fez nada para protegê-la. Nesse cenário, Elizabeth acorda do coma e murmura que a filha estaria se afogando.

big-little-lies-episode-205-kill-me-promotional-photo.jpg

Celeste é abordada com uma proposta de acordo do advogado de Mary Louise para guarda compartilhada, o que sua advogada acredita ser uma boa coisa, embora ela não aceite e fique decepcionada com sua defensora. Na escola, Ziggy (Iain Armitage) é molestado por um bully, e Max e Josh correm para ajuda-lo. Quando o garoto descobre que Ziggy é irmão dos gêmeos, ele chama o pai deles, Perry (Alexander Skarsgård), de estuprador. Mais do que depressa Max e Josh se jogam para cima do garoto e o agridem, ajudados por Ziggy. Os quatro são suspensos por três dias, e Celeste e Jane (Shailene Woodley)—que ainda enfrenta dificuldades em ter intimidade com Corey (Douglas Smith)—decidem passar o dia fazendo caiaque. Nathan (James Tupper) ainda tenta entender o que aconteceu com Bonnie, e tenta ajuda-la presenteando-a com uma esteira. Mais tarde, ela é abordada por Martin, o qual justifica jamais ter feito muito mais do que podia para protege-la por achar que estava fazendo o suficiente por eles como família. No dia seguinte, Bonnie visita Elizabeth no hospital, e lhe mostra um presente que Skye (Chloe Coleman) fez para ela. Murmurando, Elizabeth pede à filha que a mate. À noite, sozinho num bar, Ed é abordado por Tori (Sarah Sokolovic), a qual flerta com ele, enquanto observados à distância pelo marido—e ex-amante de Madeline—, Joseph (Santiago Cabrera).

O episódio termina com Bonnie caminhando à noite em direção à delegacia, onde mais uma vez hesita entrar, ao que vê Corey saindo do distrito e indo em direção ao seu carro, dando à entender que seria um policial disfarçado que se aproximou de Jane.

Big Little Lies é uma série original do canal HBO e pode ser conferida via TV à cabo ou on streaming.

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios