Attack On Titan: resumo do episódio #3.21 – “Attack Titan”

No penúltimo episódio da terceira temporada de Attack On Titan, mais revelações sobre o titã no qual Eren se transforma acontecem com os flashbacks de Grisha Jaeger que mostram como ele aceitou a missão de retomar o poder original do Rei Fritz que se recusou à usa-lo para salvar os eldianos, e como a informação de que todo o resto do mundo exterior deve ser considerado inimigo dos cidadãos que se encontram dentro das muralhas deve ser tratada diante do medo dos herdeiros de Ymir.

Grisha_looks_at_the_aftermath_of_Kruger's_rampage

O episódio começa com Grisha Jaeger e Eren Krueger logo depois dos eventos havidos ao final do episódio anterior. Depois de matar os seguranças de Marley, Krueger volta à sua forma humana e explica à Grisha que possui o poder dos nove titãs na qualidade de herdeiro de Ymir, a qual para os eldianos realizou um milagre, enquanto que para os Marley fez um pacto com o demônio. Ele revela ter se passado como soldado infiltrado em Marley, e Grisha questiona o fato de ter sido salvo, e não sua esposa Dinah, visto ser ela herdeira do rei Fritz. Krueger explica que ela não foi salva porque os restauradores eldianos a teriam transformado em titã. Ele informa que viu potencial em Grisha no dia em que ele, ainda pequeno, confrontou Gross pela morte misteriosa de sua irmã Faye, e explica que assim como ele quer vingança contra Marley e a restauração de Eldia. Kruger revela que vai morrer em breve, pois depois que alguém adquire o poder de um dos nove titãs, não lhe resta mais do que treze anos de vida, razão pela qual ele precisa transmitir tal poder à uma outra pessoa. Ele então informa ter escolhido Grisha para adquirir tal poder, entrar nas muralhas da Ilha Paraíso para onde o rei Fritz levou refugiados eldianos e apagou suas memórias, e recuperar dele o poder original e restabelecer Eldia.

Eren_admits_he_has_less_than_eight_years

No presente, preso por insubordinação, Eren Jaeger lembra do encontro de Grisha com Krueger, e o relata à Armin, mencionando a “Maldição de Ymir”, tal como é conhecido o pacto de Ymir que despertou o poder dos titãs. Armin descobre ainda o fato de que tem apenas treze anos de vida enquanto Eren tem apenas oito, o que deixa Mikasa conternada. Eren acrescenta que se acaso um poder dos nove titãs não for transmitido à outra pessoa, ele é diretamente herdado por um bebê nascido de um herdeiro de Ymir. Ou seja, todos os herdeiros de Ymir são conectados de alguma forma. No flashback de Grisha, Krueger tenta motiva-lo à assumir sua missão mostrando uma foto de sua família. Por fim, Krueger explica que o próprio Grisha deu inicio ao seu destino ao levar Faye para ver o zepelim. Caso contrário, teria assumido a clínica do pai e casado com qualquer outra mulher que Dinah, a qual conheceu através dos restauradores. No presente, Hange e Levi escutam Eren murmurar o nome do titã que ele herdou: o “titã assaltante”. Enquanto isso, no distrito de Trost, Historia Reiss lê a carta que lhe foi escrita por sua antiga guarda costas, Ymir, e que lhe foi entregue via Reiner. Ela lhe pede desculpas por tê-la deixado para ficar com seus companheiros titãs, e que seu único arrependimento é o de não poder se casar com ela.

Eren_realizes_how_he_was_able_to_command_the_Titans

Mais tarde, uma audiência com as principais autoridades de dentro das muralhas acontece, e da qual Eren, Mikasa, Armin, Levi e Hange participam. Na qualidade de nova comandante Hange explica que a missão no distrito de Shiganshina foi bem sucedida à despeito das várias baixas, e que agora eles sabem que os titãs não são os únicos inimigos do reino vindos de fora das muralhas. Ela informa que, segundos os diários de Grisha Jaeger, eles são os eldianos, uma raça superior capaz de se transformar em titãs, e que os povos que vivem além das muralhas almejam erradicar. Hange explica que Grisha cumpriu sua missão ao tomar o poder original dos Fritz e transferi-lo ao filho, mas que somente alguém que é de sangue real pode utilizar plenamente o poder. Entretanto, se tal pessoa possui esse poder, ela é escravizada pelos ideais do rei Fritz e é incapaz de agir contra eles. Ela conclui que Eren foi capaz de comandar os titãs; logo, é possível para alguém que não é de sangue real usar o poder do titã original. Nesse momento, Eren lembra como adquiriu o poder de comandar os demais titãs: quando tocou Dinah na forma de titã no momento em que desejou mata-la por ter devorado sua mãe viva, e que ao invés disso ordenou os demais titãs à devorarem-na.

O episódio termina com Krueger dando a injeção com fluido titã à Grisha. Ele lhe pede para ter uma nova família, explicando que ele deve amar alguém dentro das muralhas para que o padrão de violência não se repita. Por fim, Krueger diz que ele terá que ver sua missão bem sucedida se quiser salvar Mikasa, Armin e todos os outros. Grisha pergunta quem é Mikasa e Armin, e Kruger admite que não sabe, nem sabe de quem são essas memórias.

Attack on Titan pode ser conferido via Funimation.

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios