Resumo do episódio #3.18 de This Is Us: “Her” (final de temporada)

No último episódio da terceira temporada de This Is Us, as subtramas de cada um dos irmãos Pearson se resolvem, ao mesmo tempo em que um flashback e um flashforward dão conta de mostrar a importância de uma mulher muito importante na vida de cada um dos membros da família.

NUP_186112_1146.jpg

Dando continuação ao episódio da semana passada, Randall (Sterling K. Brown) acorda em seu escritório na Filadélfia, enquanto Beth (Susan Kelechi Watson) tem que explicar rapidamente às filhas o motivo do pai não estar em casa em Nova Jersey. Ele então aparece, Beth explica sua agenda do dia, ele pede para conversarem novamente mais tarde, mas ela diz que não encontra uma saída para eles, ao que Randall vai embora para levar Déjà (Lyric Ross) para seu debate na escola. Acontece que não existe nenhum debate, e ela o leva até o endereço onde morou quando ainda era muito pequena, e onde ao invés de uma família, passou fome num lar temporário. Ela então tenta convencê-lo—do mesmo modo como ele o fez para assinar os papéis de adoção na temporada anterior—, que ao contrário dela, ele ganhou duas vezes na loteria: quando foi adotado e quando encontrou Beth. Ao final, ela sugere que ele se acerte com Beth. Nesse meio tempo, Beth percebe que não está completamente satisfeita na escola de dança, e faz uma viagem à Filadélfia. Ao chegar em casa, Randall a espera para dizer que decidiu renunciar ao cargo de vereador para que ela siga adiante com seu sonho, mas ela lhe diz que isso não irá acontecer, e que a família toda vai mudar para a Filadélfia, onde ela abrirá seu próprio estúdio de dança enquanto ele continua com sua carreira política, nem que passem por algumas dificuldades financeiras no começo.

toby-kate-baby-jack-this-is-us-season-3-finale.jpg

Ainda no hospital, Kate (Chrissy Metz), Toby (Chris Sullivan) e Rebecca (Mandy Moore) ouvem as instruções da médica (Kirsten Nelson) para que o bebê Jack não tenha problemas logo depois de ter removido o tubo de respiração. Rebecca anota tudo e faz perguntas à médica que deixam Kate visivelmente transtornada, como se o fato da mãe se mudar para perto para ajuda-la já não fosse o suficiente. Mais tarde, quando estão sozinhas, Jack tem uma rápida parada respiratória, e enquanto Kate se desespera à procura de uma enfermeira, Rebecca faz exatamente o que a médica disse para fazê-lo voltar à respirar: dar um tapinha na sola de seu pé. Kate revela que teria feito o mesmo se a mãe não a tivesse deixado nervosa com sua intromissão, e Rebecca vai embora. Pouco depois, ela vê o caderno de anotações de Rebecca com várias páginas detalhadas com orientações médicas sobre como lidar com Jack depois que ele sair da observação. Em casa, Kate aparece para tomar um banho, e Rebecca, que está hospedada ali, pede desculpas. Kate então lhe diz que é a única responsável por não saber lidar com suas inseguranças, e que se sente privilegiada em ser sua filha, e que quer o mesmo para Jack, convidando-a oficialmente à fazer parte de seu convívio como avo. No final do segmento, o bebê Jack finalmente vai para casa, onde terá a atenção de Kate, Toby e Rebecca, que definitivamente irá se mudar com Miguel (Jon Huertas) para Los Angeles.

this_is_us_justin_hartley

Se as coisas ficam bem para Randall e Kate no episódio final da temporada, o mesmo não se pode dizer em relação à Kevin (Justin Hartley). Depois de se acertar com Zoe (Melanie Liburd) ao final do episódio anterior acerca do dilema entre um futuro com ou sem filhos ao seu lado, os dois passam o dia tomando conta de Tess (Eris Baker) e de Annie (Faithe Herman). Depois de dar conselhos de tio à Tess acerca das dificuldades em lidar com sua identidade na flor da adolescência e da recém-descoberta de que é gay, e de observar a interação entre Zoe e Annie, Kevin se sente motivado e toca novamente no assunto com a namorada ao sugerir que os dois seriam ótimos pais, acreditando que um dia ela ainda possa mudar de ideia e finalmente decidir ter filhos com ele. Contudo, ao chegarem em casa Zoe revela que jamais irá voltar atrás com sua decisão e, certa de que ele verdadeiramente anseia um dia ser pai e que é merecedor de se tornar um no futuro, coloca fim na relação. O segmento termina com Zoe arrumando suas coisas para se mudar definitivamente da casa de um bastante arrasado Kevin.

This-Is-Us-Finale-Breaking-Down-Every-New-Question-About-Kate-Rebecca-and-More-01

No flashback do episódio que acontece nos idos dos anos de 1990, Rebecca aparece dirigindo logo depois de fazer compras, e ao ver frutas caindo pelo chão do carro, decide apanha-las, ao que sofre um acidente. Jack (Milo Ventimiglia) é avisado e corre para o hospital. Com fraturas no braço, Rebecca é aconselhada à passar a noite em observação, e quando Randall (Lonnie Chavis), Kevin (Parker Bates) e Kate (Mackenzie Hancsicsak) a visitam e ficam impressionados ao vê-la tão fragilizada, Rebecca pede à Jack para voltar para casa com os filhos. Apesar do desejo dele em ficar ali com ela, Jack faz o que Rebecca lhe pede, mas em casa as crianças estão tensas demais sem a mãe, e Jack não gosta nada da ideia de não tê-la ao seu lado. Quando Randall acorda os irmãos depois de um pesadelo com Rebecca, e chama o pai, os quatro decidem voltar ao hospital para passar a noite com ela. Na entrada, barrado pela enfermeira, Jack explica a importância de Rebecca para a família, fazendo uma analogia com um carro, sendo ela o motor. Ou seja, sem ela, eles não são nada. No final, os quarto conseguem ficar no hospital e passam a noite ao seu lado.

O desfecho acontece com o flashforward mostrado no primeiro episódio da temporada, onde um envelhecido Randall encontra Tess no seu trabalho como assistente social para visitarem alguém, enquanto Beth—dando ares de que estaria separada de Randall—, é lembrada pela assistente em sua escola de dança de que deve ir ver Rebecca. Toby, por seu turno, aparece sozinho e sem aliança de casamento, ao que recebe uma ligação de Randall que o lembra do encontro da família para ver Rebecca. O que se segue é a reunião dos quatro na casa de Kevin, o qual não aparece, pois saiu para comprar provisões, mas tem um filho pré-adolescente cuja identidade da mãe não é revelada. Nesse cenário, Beth e Randall revelam ter a relação solida que sempre tiveram, e que Jack—filho de Kate com Toby—estaria à caminho com alguém (não se sabe se com Kate ou outra pessoa). Na ultima cena, Randall vai ao quarto onde Rebecca se encontra para vê-la. Bastante envelhecida e debilitada, ela está deitada numa cama, e Randall se anuncia como seu filho, como se ela não lembrasse e, sem sinal de Miguel por perto, Randall cumprimenta Nicky (Griffin Dunne), que se encontra ao lado da cama.

Pontos Altos do Episódio:

  • Rebecca é a força motriz da família e a personagem que dá titulo ao episódio. Se as duas primeiras temporadas mostram a importância de Jack, o terceiro ano é mais focado em Rebecca. No flashback fica clara sua importância para Jack e os filhos (embora Jack pudesse ter simplesmente pedido uma pizza), enquanto o mesmo se pode dizer de sua presença na vida de Kate com o recém-nascido neto, e também no segmento em flashforward, onde todos se reúnem para o que deve ser seus últimos momentos em vida.
  • Beth e Randall. Depois de uma temporada bastante tumultuada que anunciava um possível fim do casamento por conta da ausência de entendimento dos dois quanto aos planos futuros em comum, tudo finalmente se resolveu, e o casal provou ser a rocha firme que sempre foi. Convenhamos que a decisão de Beth podia ter sido tomada antes, mas como sempre ela precisou de um tempo para ver que a observação de Randall sobre as donas de casa aborrecidas que queriam fazer aulas de dança com ela era verdadeira para que finalmente tomasse uma atitude.
  • Zoe e Kevin. Se alguém tinha alguma duvida quanto ao futuro dos dois, agora não resta mais nenhuma. Se Zoe foi a pessoa certa para Kevin num determinado momento de sua vida, agora que seus projetos não convergem é chegado o momento do personagem mais uma vez evoluir em busca de sua verdadeira identidade. Mais percalços para Kevin ao longo da próxima temporada. Se ele terá recaída no vicio da bebida, ainda não sabemos. O que fica é a certeza de que ele terá ao menos um filho, o qual aparece no segmento em flashforward.
  • Toby e Kate. O drama do casal sobre a possibilidade de serem pais finalmente acabou bem ao final da temporada. Depois de muito sofrimento para engravidar, Kate finalmente deu à luz. Apesar da gravidez complicada, e do parto traumatizante, o casal sai de cena com um bebê saudável, e de quebra terão a ajuda de Rebecca, que estará mais presente em suas vidas nas próximas temporadas.

O episódio encerra com um flashback polêmico repleto de ganchos para o que ainda está por vir. Sem sinal de Kate, sabemos que Jack cresceu saudável, mas Toby não usa mais aliança de casamento. O que teria havido? Eles se separaram ou Kate simplesmente morreu? Kevin não aparece no flashforward, mas tem um filho. Quem é a mãe da criança? Alguém que ainda não vimos? Os dois ainda estão juntos? E onde estão Déjà e Annie? Outro grande mistério ao final do episódio é o fato de Nicky estar sentado ao lado de Rebecca, o que não causa nenhuma surpresa aos Pearson. Como ele voltou ao convívio familiar e qual sua importância para estar ao lado da cunhada é algo que certamente vai ser revelado na próxima temporada. Afinal, quem não gostaria de ver mais sobre o irmão de Jack nos próximos episódios e sua reconexão com os sobrinhos e a cunhada?

This Is Us é transmitida pelo canal NBC e pode ser conferida via Fox Premium.

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios