Os 13 Melhores Filmes de 2018

MV5BOTU5MDg3OGItZWQ1Ny00ZGVmLTg2YTUtMzBkYzQ1YWIwZjlhXkEyXkFqcGdeQXVyNTAzMTY4MDA@._V1_SY1000_SX675_AL_

13. Hereditário

Hereditário (título original: Hereditary) é um dos filmes mais perturbadores de todos os tempos. Provocativo e graficamente intenso, Hereditário é uma descente espiral que leva uma família inteira diretamente para o inferno. Sem pontas soltas, a produção não chega à ser um Exorcista como muitos críticos apontaram, mas ao não esconder o fato de brincar com elementos antes vistos em filmes como O Homem de PalhaO Bebê de RosemaryPacto Maligno e A Bruxa sem fazer reservas quanto ao apelo visual, traz um dos finais mais controvertidos e impactantes de todos os tempos e revitaliza o gênero do terror.

MV5BNzIxMjYwNDEwN15BMl5BanBnXkFtZTgwMzk5MDI3NTM@._V1_

12. Jurassic World: Reino Ameaçado

Jurassic World – Reino Ameaçado (título original: Jurassic World: Fallen Kingdom) traz de volta aos cinemas o universo criado por Michael Crichton, com a direção de J.A. Bayona. Quinto filme da franquia iniciada por Steven Spielberg em Jurassic Park: O Parque dos Dinossauros (1993), e segundo da nova trilogia estrelada por Chris Pratt e Bryce Dallas Howard, a produção segue em continuação aos acontecimentos em Jurassic World (2015), onde Owen e Claire precisam resgatar os dinossauros da fictícia Isla Nublar quando um vulcão os ameaça de extinção.

MV5BY2JiYTNmZTctYTQ1OC00YjU4LWEwMjYtZjkwY2Y5MDI0OTU3XkEyXkFqcGdeQXVyNTI4MzE4MDU@._V1_SY1000_CR0,0,674,1000_AL_

11. Jogador Número 1

Jogador No 1 (título original: Ready Player One) é o retorno magistral de Steven Spielberg ao gênero que o consagrou. Adaptação do romance homônimo de Ernest Cline, a história se passa no ano de 2045, onde o criador de um jogo mundial de realidade virtual chamado OASIS lança um vídeo logo depois de sua morte no qual desafia os jogadores a encontrar três chaves secretas através de várias pistas dentro do jogo, o que dará ao vencedor toda a sua fortuna. Imperdível aos fãs de uma boa história de ficção cientifica com muita ação e aos apreciadores dos trabalhos de Steven Spielberg, bem como aos amantes da cultura pop dos anos de 1980-1990.

MV5BMjIxMjUwMjItMGIxYS00NTlmLTgxZTQtMzg2Yjc1ZWQ3YTYxXkEyXkFqcGdeQXVyMjM4NTM5NDY@._V1_SY1000_CR0,0,631,1000_AL_

10. Bem-vindo à Marwen

Escrito e dirigido por Robert Zemeckis, Bem-Vindo à Marwen (título original: Welcome to Marwen) conta a devastadora história de Mark Hogancamp (Steve Carell), que depois de ser covardemente espancado ao ponto de perder todas as suas memórias, tenta juntar e harmonizar os próprios pedaços de sua antiga e nova vida criando uma meticulosa cidade em miniatura onde ele é curado e se torna uma figura heroica. Ao mesmo tempo em que constrói a cidade, ambientada numa vila belga durante a Segunda Guerra Mundial, ele também cria personagens inspirados nas mais poderosas e influentes mulheres de sua vida. Um filme belíssimo onde imaginação e coragem encontram um lugar comum.

MV5BMTcxMjUwNjQ5N15BMl5BanBnXkFtZTgwNjk4MzI4NjM@._V1_

9. Creed II

Creed II (título original: Creed II) traz Sylvester Stallone e Michael B. Jordan de volta na pele de Rocky Balboa e de Adonis Creed sob a direção de Steven Caple Jr. e roteiro de Cheo Hodari CokerRyan Coogler e Sascha Penn. Depois dos eventos havidos em Creed (2015), Adonis se tornou campeão mundial dos pesos leves. Dividido agora entre obrigações familiares e vida profissional, ele precisa treinar sem a ajuda de Rocky para aquele que deve ser o maior combate de sua vida e que visa honrar a memória de seu pai, o grande campeão Apollo Creed.

MV5BOTM2NTI3NTc3Nl5BMl5BanBnXkFtZTgwNzM1OTQyNTM@._V1_SY1000_CR0,0,674,1000_AL_

8. Solo: Uma História Star Wars

Solo – Uma História Star Wars (título original: Solo – A Star Wars Story), é o décimo filme da franquia Star Wars, criada por George Lucas. Com roteiro de Lawrence Kasdan e Jonathan Kasdan, e direção de Ron Howard, Solo deixa de lado a mitologia da rebelião, dos jedis, da estrela da morte e da força, e é superior à todos os últimos filmes da saga ao ser apenas um despretensioso western espacial tal como Star Wars: Episódio IV – Uma Nova Esperança um dia foi. Bem produzido, visualmente sensacional, e com narrativa dinâmica, o filme não decepciona.

MV5BMTkzNjU3MjE0MF5BMl5BanBnXkFtZTgwNTIyNDk0NDM@._V1_

7. Desejo de Matar

Bruce Willis estrela Desejo de Matar (título original: Death Wish), novo thriller de crime e ação de Eli Roth que adapta para os dias atuais o romance homônimo de Brian Garfield. A trama, que já foi grande sucesso com o saudoso Charles Bronson no filme de 1974 e que rendeu quatro continuações, traz Willis como o cirurgião que passa à caçar os criminosos que mataram sua esposa e que colocaram sua filha em coma, e é uma reflexão sobre violência, vingança e acesso às armas, sem o glamour de quatro décadas atrás, e é uma das melhores surpresas do ano.

MV5BNjRlZmM0ODktY2RjNS00ZDdjLWJhZGYtNDljNWZkMGM5MTg0XkEyXkFqcGdeQXVyNjAwMjI5MDk@._V1_SY1000_CR0,0,639,1000_AL_

6. Missão Impossível: Efeito Fallout

Missão: Impossível – Efeito Fallout (título original: Mission: Impossible – Fallout) é o sexto filme de ação e espionagem da franquia iniciada em 1996. Escrito e dirigido por Christopher McQuarrie, o filme segue em continuação à Missão: Impossível – Nação Secreta (2015), com uma nova trama envolvendo terroristas internacionais e muita conspiração nos bastidores do poder. Superior aos filmes anteriores da franquia, a produção recupera o fôlego como um dos melhores produtos do gênero lançados ultimamente nos cinemas, enquanto a dobradinha entre Tom Cruise e Henry Cavill funciona de forma excepcional.

MV5BOTk5ODg0OTU5M15BMl5BanBnXkFtZTgwMDQ3MDY3NjM@._V1_SY1000_CR0,0,674,1000_AL_

5. Aquaman

Aquaman (título original: Aquaman) é uma superprodução dos estúdios Warner que adapta pela primeira vez em live-action a origem do icônico personagens dos quadrinhos da DC Comics sob a direção de James Wan. O filme traz Jason Momoa pela terceira vez na pele de Arthur Curry/Aquaman, e traz o legítimo herdeiro do trono de Atlântida contra seu meio-irmão, Orm, que deseja unir os reinos dos sete mares contra a superfície da Terra. O filme definitivamente não decepciona, e é uma das melhores surpresas do ano no que diz respeito à adaptação do universo dos quadrinhos.

MV5BMjI0MDMzNTQ0M15BMl5BanBnXkFtZTgwMTM5NzM3NDM@._V1_SY1000_CR0,0,674,1000_AL_

4. Um Lugar Silencioso

Um Lugar Silencioso (título original: A Quiet Place) é um thriller de horror escrito, dirigido e estrelado por John Krasinski e Emily Blunt. O filme é definitivamente uma das maiores surpresas do ano ao contar a história de uma família que precisa viver em absoluto silêncio enquanto se esconde de terríveis criaturas alienígenas que caçam pelo som. Com orçamento modesto, é ainda um dos melhores horrores dos dias atuais, que não poupa a audiência de vários sustos, como se os momentos de angústia extrema já não fossem suficientes. Sem dúvida alguma, um dos melhores filmes do ano.

MV5BMTYyOTUwNjAxM15BMl5BanBnXkFtZTgwODcyMzE0NDM@._V1_

3. Ilha dos Cachorros

Escrito e dirigido pelo genial Wes Anderson, o filme é uma animação em stop-motion que traz um futuro distópico onde um empresário e candidato à reeleição como prefeito de Megasaki, no Japão, decreta o banimento de toda a população canina depois de descoberto um novo tipo de gripe transmitido pela espécie. Atari Kobayashi (Koyu Rankin), sobrinho do empresário, decide ir sozinho à ilha para onde todos os cães foram transportados para resgatar seu cão protetor, Spots (voz de Liev Schreiber), ao que é ajudado pela matilha de cães da qual faz parte Chief (voz de Bryan Cranston), Rex (voz de Edward Norton), King (voz de Bob Balaban), Duke (voz de Jeff Goldblum) e Boss (voz de Bill Murray).

198438R1

2. Os Vingadores: Guerra Infinita

Dirigido por Anthony Russo e Joe Russo, Os Vingadores – Guerra Infinita (título original: Avengers – Infinity War), é um dos filmes mais esperados do ano, e não deixa nada à desejar. Continuação de Os Vingadores (2012) e Os Vingadores: A Era de Ultron (2015) e também o décimo nono do Universo Cinemático da Marvel, o filme traz os Vingadores e os Guardiões da Galáxia numa tentativa de impedir que Thanos consiga coletar todas as pedras infinitas e assim dizimar o universo. O filme traz com perfeição e maestria quase todos os personagens do universo cinemático Marvel em pequenos núcleos de ação setorizada, o que torna a narrativa bem dinâmica, deixando em aberto um enorme gancho para a segunda parte do filme que deve estrear em 2019.

MV5BNDg2NjIxMDUyNF5BMl5BanBnXkFtZTgwMzEzNTE1NTM@._V1_SY1000_CR0,0,629,1000_AL_

1. Bohemian Rhapsody

Bohemian Rhapsody (título original: Bohemian Rhapsody) é a cinebiografia de um dos maiores grupos de rock de todos os tempos, Queen, e seu performático vocalista Freddie Mercury. Dirigido por Bryan Singer e por Dexter Fletcher e com roteiro de Anthony McCarten e Peter Morgan, o filme se concentra nos quinze anos desde a formação da banda até a sua apresentação no evento Live Aid em 1985, seis anos antes da morte de Freddie Mercury. Considerado um dos filmes mais cultuados e comentados do ano, Bohemian Rhapsody é também um marco no gênero cinebiografia musical.

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios