Resumo do episódio #2.11 de This Is Us: The Fifth Wheel

Depois de um mês de hiato, This Is Us retorna para um episódio mais do que especial, que não apenas reúne os dramas havidos entre os personagens nos três últimos episódios, como também faz cair por terra por meio de um dramático confronto a ideia de que a família Pearson é perfeita (o que a audiência de fato já sabia).

1

No presente, um mês se passou desde a prisão de Kevin (Justin Hartley) depois do incidente havido ao final do episódio Number Three. Forçado por decisão judicial à se submeter à uma reabilitação em alcoolismo numa clinica, sua família é chamada para participar de uma espécie de terapia em grupo. Nesse cenário, Beth (Susan Kelechi Watson) não é muito simpática à ideia depois do que o cunhado fez a filha passar, ao passo em que Randall (Sterling K. Brown) se propõe à ajudar o irmão depois que este o socorreu em um de seus ataques de pânico no inicio da temporada. Kate (Chrissy Metz), por sua vez, sente-se culpada por não ter estado ao lado de Kevin em seu momento de dificuldade, ao mesmo tempo em que esconde de Toby (Chris Sullivan) o fato de estar sabotando a dieta comendo porcarias às escondidas.

2

Na clinica, Kevin apresenta a família à sua terapeuta, Barbara (Kate Burton). Esta aponta que o encontro pode ficar meio tenso demais, ao que sugere que Beth, Toby e Miguel (Jon Huertas) fiquem nesse primeiro momento de fora. O trio, apontado por Barbara como “os outros”, decide então se reunir num bar, onde se autodenominam como o novo “Big Three” e falam sobre o que é ser um Pearson, e que como cada um deles fica de fora do ciclo do qual apenas fazem parte Kate, Randall, Kevin e Rebecca (Mandy Moore), que tem ainda Jack (Milo Ventimiglia) como assunto intocável.

3

Em flashback, Jack chega em casa anunciando que vai levar a família para uma semana de férias na cabana em Poconos. Como Kevin (Parker Bates) está num acampamento do time de futebol, ele deve se juntar à família apenas alguns dias depois. Ao chegar, anunciando que ganhou dois troféus, Kevin experimenta uma sensação já vista em episódios anteriores, no qual ele é deixado de lado de todo o drama familiar que se passa ao seu redor. Nesse caso, temos a preocupação de Rebecca com o peso de Kate (Mackenzie Hancsicsak), o que faz com que Jack seja mais defensivo com a filha do que nunca; bem como a superproteção de Kate em relação ao fato de que Randall (Lonnie Chavis) passou à usar óculos.

4

Na terapia, Kevin genuina e solenemente pede desculpas aos irmãos e à mãe por todos os problemas que causou, admitindo ter chegado ao fundo do poço. Contudo, Barbara o arrasta de volta ao ponto nodal do encontro familiar, qual seja, tratar do assunto relacionamento ao seu vício no álcool. Kate inicialmente fica entusiasmada, acreditando que o problema de Kevin é sua inabilidade em lidar com a morte de Jack, mas o jogo vira quando é revelado que a dor que o irmão carrega é ainda mais profunda. O que se segue então é uma das mais devastadoras e mais efetivas cenas de This Is Us ao mostrar como pessoas com boas intenções ainda assim podem desapontar e negligenciar os outros. E a frase de maior efeito acontece quando Kevin finalmente revela que durante toda sua infância se sentiu em segundo lugar em relação aos irmãos, como se fosse a quinta roda que dá nome ao título do episódio.

5

Kate fica confusa, e tenta argumentar, mas Barbara a impede de falar até que Kevin tenha desabafado tudo, ao passo em que Randall fica ofendido e Rebecca devastada. Kevin então continua, e explica que tentou substituir sua sensação de inadequabilidade com coisas como atuação e futebol, e que era apenas uma questão de tempo até que se tornasse algo pior. Ele então aponta que é tudo culpa do alcoolismo que corre nas veias da família, explicando que Jack era alcoólatra, assim como o avô paterno, o que deixa Rebecca extremamente transtornada. E Kevin vai ainda mais longe quando cita a adição de Kate em relação à comida. Provocada por Barbara, Rebecca revela jamais ter conversado com os filhos sobre o alcoolismo de Jack por conta da ausência deste nos momentos mais importantes da vida deles, citando apenas exemplos relacionados à Kate e Randall, culminando um argumento mais agressivo entre Kevin e a mãe, ao que Randall sai em defesa desta. O momento ápice acontece quando Kevin ordena que Rebecca admita que Randall sempre foi seu favorito, e ela finalmente reconhece que sempre foi mais fácil lidar com Randall, porque ele sempre esteve por perto, principalmente depois da morte de Jack.

6

No flashback, Jack passa um tempo com Kate depois de frustra-la com uma advertência concernente ao excesso de doces, enquanto Rebecca confronta Kevin pelo sumiço dos óculos de Randall. Ele se enfurece e diz detesta-la. Quando Jack chega à cabana debaixo de chuva, Rebecca lhe diz como é uma vilã para os filhos ao não conseguir uma reconciliação com Kevin. Tarde da noite, Kevin acorda com uma trovoada. Com medo, ele procura pelos irmãos, os quais não estão em suas camas. Ele então encontra os óculos de Randall debaixo da cama, e vai levar para Rebecca em seu quarto, onde, numa das cenas mais tristes na série, encontra Kate e Randall dormindo no meio dos pais na mesma cama. Desolado, ele puxa um travesseiro e uma coberta para dormir ao lado no chão.

7

Depois da sessão, Kate se senta num banco ao lado de Kevin nos jardins da clínica e ele lhe diz que ela tem razão sobre a morte de Jack ter exercido grande efeito em sua vida. Kate, por sua vez, também aponta que seu vício por comida está relacionado às boas lembranças dos sorvetes tomados com o pai. Por fim, Randall se junta aos dois, e pede desculpas por ter ficado na defensiva durante a sessão ao invés de estar ali para apoiar Kevin, e diz que cada um deles tem uma perspectiva diferente de como foi a infância dos três. O episódio termina com Kevin fazendo emendas com Rebecca, a qual ainda acredita que os dois tiveram bons momentos juntos, ao que uma última cena em flashback a mostra levantando no meio da noite na cabana para se deitar ao lado de Kevin no chão.

Pontos Altos do Episódio:

  • A revelação de Kevin sobre como se sentia em segundo lugar em relação aos irmãos quando pequeno é sem sombra de duvidas uma das cenas mais intensas da série, principalmente porque há muito tempo aguardada.
  • A forma como cada um dos Pearson levanta seu muro de proteção aos apontamentos de Kevin é o que de mais humano existe na série.
  • O devastador momento em que Kevin se vê como excluído nas férias de família, mas principalmente quando descobre os irmãos dormindo junto com os pais na mesma cama, é dos momentos mais tristes na trajetória do personagem.
  • A revelação de Rebecca de que jamais sentiu necessidade de proteger Kevin por achar que ele podia se virar e sua constatação de que cometeu um erro é extremamente intensa, especialmente por espelhar o sentimento de muitas outras mães na vida real.

This Is Us é transmitida pelo canal NBC e pode ser conferida via Fox Premium.

 

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios