Resumo do episódio #5.05 de Vikings: The Prisoner

O quinto episódio da quinta temporada de Vikings traz grandes reviravoltas. Em York, os vikings fazem um importante prisioneiro, enquanto Lagertha enfrenta uma nova ameaça em Kattegat e Bjorn enfrenta novos perigos em terra estrangeira.

MV5BOWVmN2QzZGMtMzRiOC00ZWI3LWE5YzItZTYzOTJjYWMyZDNlXkEyXkFqcGdeQXVyNjc5Mjg0NjU@._V1_SY1000_CR0,0,1499,1000_AL_

Depois do encontro com o comandante Euphemius (Albano Jerónimo) na Sicília, Bjorn (Alexander Ludwig), Sinric (Frankie McCafferty) e Halfdan (Jasper Pääkkönen) partem numa expedição à África com fins de encontrar o homem mais poderoso do Mediterrâneo, Ziyadat Allah (Kal Naga). Inicialmente bem recebidos, os vikings eventualmente se descobrem no meio de uma vendeta quando homens de Euphemius são mortos, e este, depois de tentar fugir e ser encontrado, é morto e servido como refeição num banquete presidido por Ziyadat, que age assim com fins de vingar os horrores passados por Kassia (Karima McAdams), até então prisioneira de Euphemius. Eventualmente, Bjorn, Sinric e Halfdan também são considerados uma ameaça por Kassia, a qual estaria manipulando Ziyadat, com o qual tem um caso. O segmento envolvendo o trio viking no deserto africano termina com a ordem de Kassia para que os homens de Ziyadat os decapitem ao mesmo tempo em que uma tempestade de areia se aproxima do acampamento.

MV5BYTUxNmZhYTYtOTkyOC00YTA0LWE2ODMtNGUxMjc3MDU1Y2NlXkEyXkFqcGdeQXVyNjc5Mjg0NjU@._V1_SY1000_CR0,0,1499,1000_AL_

Em Kattegat, Lagertha (Katheryn Winnick) enfrenta uma nova ameaça que pode culminar num desfalque de seu exército na eventual batalha contra Ivar (Alex Høgh Andersen) e Harald (Peter Franzén). Recém-chegado da Islândia, Floki (Gustaf Skarsgård) é recebido com curiosidade pelos locais, e num encontro com Lagertha revela seu plano de levar fieis aos deuses nórdicos para colonizarem a ilha até então inabitada. Ela o impede de fazer o que ele acredita ser uma missão que lhe foi conferida pelos deuses considerando o perigo iminente que se abate contra seu reino, e o proíbe de recrutar seguidores. Floki, no entanto, consegue reunir um grupo considerável de pessoas dispostas à viajarem com ele para a tal ilha, dentre os quais três pessoas que parecem ser espiões de Lagertha e que parecem intencionar a sabotagem de seus planos. Paralelamente, Ubbe (Jordan Patrick Smith) revela à Floki o conflito que se aproxima entre ele e os irmãos.

MV5BMTk5YWQxODQtNjk3MS00YzY5LThkYWMtZDdhMWRjN2M5Y2Q5XkEyXkFqcGdeQXVyNjc5Mjg0NjU@._V1_SY1000_SX1500_AL_

Em York, Aethelwulf (Moe Dunford) é enganado por Ivar ao acreditar que conseguiu reconquistar a cidade, e o exército saxão é surpreendido por inúmeros vikings que emergem de esconderijos subterrâneos. Cercados, os cristãos não tem a mínima chance na sangrenta batalha liderada por Ivar, que tem agora Hvitserk (Marco Ilsø) novamente ao seu lado. No meio do embate, Alfred (Ferdia Walsh-Peelo) é quase morto, e ele e Aethelwulf batem em retirada enquanto o bispo Heahmund (Jonathan Rhys Meyers) se vê cercado por uma legião de pagãos. Eventualmente, Heahmund é derrotado, mas por ordens de Ivar, que o respeita como guerreiro, é poupado e feito prisioneiro. Os dois se confrontam, e Ivar é mais esperto com as palavras ao fazer Heahmund admitir que muito do que dizem acerca do deus dos cristãos são mentiras, enquanto Ivar, por sua vez, atesta que o mesmo se aplica à ele próprio, desafiando Heahmund à acompanha-lo nas jornadas vikings, ao que o bispo é então levado como prisioneiro numa expedição.

Pontos Altos do Episódio:

  • Embora tenha começado de forma lenta e enfastiante, a saga de Bjorn e Halfdan pelo Mediterrâneo se tornou um dos melhores atrativos nessa primeira metade da temporada. Kassia, a suposta freira sequestrada por Euphemius, revela-se finalmente uma mulher extremamente perigosa, e Bjorn pode ter grandes problemas pela frente em terreno desconhecido, longe de seu exército e de sua frota.
  • Lagertha e Ubbe parecem deslocados na narrativa, afinal, ainda não tem uma grande trama e Harald ainda está longe de seu objetivo. Por outro lado, a chegada de Floki confere um novo dinamismo no núcleo em Kattegat que pode trazer grandes consequências para os próximos episódios até que Ivar ou Harald se aproxime.
  • Ivar é decisivamente uma das melhores coisas na série desde o final da quarta temporada. Sua evolução como o icônico herói das lendas nórdicas é tão significativa quanto a de Bjorn como o conquistador de novos mundos. Ambos são os verdadeiros sucessores de Ragnar em seus feitos. Hvitserk e Ubbe parecem ainda meio perdidos, mas é quase certo que ainda deverão encontrar seu lugar na trama principal.
  • Heamund obrigado à acompanhar os vikings é um novo choque cultural que traz grandes promessas para os episódios vindouros, obviamente que não da mesma forma como o que foi proporcionado na interação entre Ragnar e Athelstan.

Vikings é transmitida pelo canal History.

 

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios