Twin Peaks : resumo terceira temporada (parte 1)

 

MV5BMDhmZjA5MDgtZGQyNi00MWM1LWJkYTAtYzdmMjE5Mjc0ZTRmXkEyXkFqcGdeQXVyMjc2NTc3NDA@._V1_

Twin Peaks retorna para uma terceira temporada composta por dezoito episódios novamente pelas mãos de seus criadores, Mark Frost e o visionário David Lynch. Sucesso cult, a primeira temporada estreou em 1990 com uma trama de mistério acerca do assassinato da personagem Laura Palmer (Sheryl Lee). Repleta de elementos dos gêneros noir e sobrenatural, acrescidos de muito surrealismo, a série foi responsável pelo renascimento do gênero “drama televisivo” e influenciou diversas outras produções para a TV, motivo pelo qual ainda hoje é considerada “a mãe de todas as séries”.

Com um surpreendente e insolúvel gancho, Twin Peaks teve uma prequela não tão bem sucedida intitulada Twin Peaks: Fire Walk With Me, traduzida para “Os Últimos Dias de Laura Palmer” ou “O Diário Secreto de Laura Palmer”, e embora sempre tenha sido referenciada e aclamada, deixou uma imensa base de fãs sem respostas às inúmeras perguntas que ficaram no ar ao final da primeira temporada.

Produzida pela Showtime, a terceira temporada, também conhecida como Twin Peaks: O Retorno, chega em boa hora. Passados mais de 25 anos, finalmente a audiência tem algumas das respostas que tanto procurava, em particular, quanto ao que aconteceu ao agente especial do FBI Dale Cooper (Kyle MacLachlan) depois do terrível desfecho que lhe é conferido ao final do primeiro arco da série. Paralelamente, novos personagens e sub-tramas são inseridos na narrativa, conferindo muito mais mistério no melhor estilo do cineasta avant-gardiste David Lynch.

1

O episódio duplo de estreia da nova temporada revela o impensável à muitos dos fãs da série: Dale Cooper ficou preso na sala vermelha. Ou seja, na tentativa de resgatar Annie (Heather Graham) de seu vingativo mentor e ex-parceiro, Windom Earle (Kenneth Welsh), quem de fato saiu da sala vermelha ao final da primeira temporada foi o sósia maligno de Cooper (MacLachlan). Na continuação, visitado por Laura (Lee) e pelo Gigante (Carel Struycken), o verdadeiro Cooper recebe mensagens criptografadas da parte de ambos na sala vermelha. Enquanto isso, no mundo exterior, especificamente em Dakota do Sul, o sósia de Cooper e seus associados, Ray (George Griffith) e Darya (Nicole LaLiberté), planejam um crime.

Uma das sub-tramas paralelas que começa a se desenvolver nessa nova temporada é a do assassinato da bibliotecária Ruth Davenport (Mary Stofle). Em seu apartamento, supostamente local do crime, é encontrada somente sua cabeça junto ao corpo decapitado de um homem sem identidade. O principal suspeito do crime é Bill Hastings (Matthew Lillard), que nega tudo. Nesse cenário, a audiência nota que as circunstâncias do assassinato são bem similares ao da morte de Laura Palmer.

Enquanto isso, em Twin Peaks, o chefe de policia Tommy Hawk (Michael Horse) é contatado por Margareth, a “Mulher do Toco” (Catherine E. Coulson), que tem uma mensagem sobrenatural para ele: a pista para encontrar o agente Cooper é a de que falta alguma coisa, e que somente Hawk pode descobrir através de algo a ver com sua linhagem ameríndia.

A sub-trama mais sinistra, no entanto, acontece em New York, onde o personagem Sam (Ben Rosenfield) passa o tempo todo sozinho num depósito onde vigia uma enorme caixa de vidro repleta de câmeras apontadas para ela. Visitado por Tracey (Madeleine Zima), ele é impedido pelo segurança de deixa-la entrar. Numa segunda visita, quando o segurança não está em seu posto, Sam a convida à conhecer seu local de trabalho. Os dois então começam a fazer sexo, e uma entidade pálida surge dentro da câmara de vidro, quebrando-a e assassinando-os brutalmente.

Outros personagens originais da série que aparecem no episódio piloto são Lawrence Jacob (Russ Tamblyn), psiquiatra de Laura Palmer, assim como Ben (Richard Beymer) e seu irmão, Jerry Horne (David Patrick Kelly). Ashley Judd surge como nova personagem no núcleo do Hotel Great Northem. Ela é a assistente de Ben, Beverly.

2

No segundo episódio da temporada, Phyllis (Cornelia Guest), esposa de Bill, acusa-o de ter tido um caso com Ruth Davenport, e demonstra satisfação por sua prisão. Na cela ao lado, uma entidade fantasmagórica aparece. Pouco depois, em casa, Phyllis é assassinada pelo sósia maligno de Cooper, o qual eventualmente constata estar sendo traído por Ray, Darya e Jack (Steve Baker), outro membro de sua organização criminosa. Ele então mata Jack e Darya, descobrindo desta última que há alguém poderoso que quer se livrar dele mandando-o de volta à sala vermelha.

Enquanto isso, na sala vermelha, o verdadeiro Cooper é visitado por Laura, Leland (Ray Wise) e pela entidade Mike (Al Strobel). Por fim, uma versão do Homem de Outro Lugar (Michael J. Anderson) agora em forma de árvore com cabeça também aparece e diz à Cooper que ele não pode sair dali enquanto seu sósia não voltar. Nesse momento, o sósia maligno do Homem de Outro Lugar aparece e expulsa Cooper da sala vermelha. Cooper aparece então dentro da câmara de vidro vista no episódio anterior que deveria estar sendo vigiada por Sam, o qual está com Tracey do lado de fora do depósito instantes antes dos dois serem mortos. Sugado novamente para o vazio, Cooper surge agora no que parece ser o espaço ou uma outra dimensão.

Em Twin Peaks, Hawk continua à investigar a mensagem de Margareth, enquanto Shelly (Mädchen Amick) e James (James Marshall) aparecem rapidamente na trama como fregueses no The Bang Bang Bar.

3

No terceiro episódio, o verdadeiro Cooper se encontra numa dimensão onde duas mulheres tentam protege-lo de uma misteriosa entidade. Ele então se aproxima do que parece um portal, e nesse exato momento, seu sósia maligno começa à passar mal enquanto dirige, e sofre um acidente. Nisso, em Las Vegas, um terceiro sósia de Cooper é apresentado: Dougie Jones. Ele está com uma prostituta, Jade (Nafessa Williams). Ao atravessar o portal, o verdadeiro Cooper consegue retornar ao mundo exterior, enquanto Dougie é sugado para a sala vermelha. Jade, que está no banho, não testemunha nada. Na sala vermelha, Mike revela à Dougie que ele surgiu para um único propósito, o qual foi cumprido, ao que Dougie é transformado em uma pequena esfera de ouro.

Desorientado, Cooper, que aparece no lugar de Dougie, é confundido com este por Jade, e esta lhe dá carona até um cassino. Sozinho e confuso, ele começa a alucinar com imagens da sala vermelha que apontam para determinadas maquinas caça-níqueis que lhe permitem fazer inúmeros e sucessivos jackpots.

Na sede do FBI, na Filadélfia, Gordon (David Lynch) e Albert (Miguel Ferrer) recebem os relatórios das misteriosas mortes de Sam e Tracey em Nova York. Nesse instante, Gordon recebe uma ligação informando que Cooper foi localizado em Dakota do Sul.

4

Depois de fazer 28 jackpots e ganhar cerca de 425 mil dólares, o verdadeiro Cooper, ainda em estado de desorientação, é levado de limusine para a casa de Dougie Jones. Recepcionado por Janey-E (Naomi Watts), esposa de Dougie, ele é confrontado pela mesma – que acredita ser seu marido -, acusando-o dos débitos de jogatina e de perder o aniversário do filho, Sonny Jim (Pierce Gagnon). Ao descobrir a soma em dinheiro que ele ganhou no cassino, ela fica mais aliviada, pois ele poderá então pagar seus débitos. Pouco depois, Cooper tem uma visão de Mike, que o informa que ele ou seu sósia maligno deve morrer.

Em Twin Peaks, o xerife Frank Truman (Robert Forster), irmão do ex-xerife Harry (Michael Ontkean) da primeira temporada, é atualizado das novidades ao se inteirar da investigação feita por Hawk com base nas dicas de Margareth. Eles reabrem todos os arquivos da morte de Laura Palmer. Nisso, o bad boy da primeira temporada, Bobby Briggs (Dana Ashbrook), e que agora é delegado, lembra que Cooper foi a última pessoa a ver seu pai, o Major Briggs (Don S. Davis). Pouco depois, Truman recebe a visita de Wally Brando (Michael Cera), filho de Andy (Harry Goaz) e Lucy Moran (Kimmy Robertson).

Na Filadélfia, Gordon se encontra com a chefe de pessoal do FBI, Denise Bryson (David Duchovny) antes de seguir viagem para Dakota do Sul juntamente com Albert e Tammy (Chrysta Bell). Durante a viagem, Tammy mostra aos dois a descoberta feita pouco antes, a de que as impressões digitais do suposto Cooper localizado e preso em Dakota do Sul são o contrário das impressões digitais de Cooper de anos antes quando ingressou no FBI.

Em Dakota do Sul, o trio se reúne com o sósia de Cooper e o entrevista através de um vidro. Questionado por Gordon sobre as circunstâncias de seu desaparecimento, ele informa que esteve trabalhando disfarçado durante todos esses anos com o agente especial Phillip Jeffries (David Bowie). Após a reunião, não muito convencidos, Gordon e Albert discutem as inconsistências da entrevista com o suposto Cooper, e concordam que existe uma única pessoa capaz de ajuda-los a confirmar se ele é de fato o agente desaparecido há mais de 25 anos.

5

No quinto episódio da temporada, Janey-E continua a acreditar que Cooper é Dougie Jones, e o deixa no trabalho, uma firma de seguros. Ali, Cooper faz constatações e associações com sua vida anterior como agente do FBI e tem insights que o fazem descobrir mentiras e fraudes da parte de um colega de trabalho, chamando a atenção de seu chefe.

Enquanto isso, o carro de Dougie estacionado em frente à casa onde ele se encontrou com Jade pouco antes de trocar de lugar com Cooper explode num atentado da parte de seus agiotas. Paralelamente, os irmãos Bradley (James Belushi) e Rodney Mitchum (Robert Knepper), donos do cassino no qual Cooper faturou 425 mil dólares acusam o gerente de estar mancomunado com o que acreditam ser uma fraude, e colocam Cooper, o qual acreditam ser Dougie Jones, em sua mira.

Em Twin Peaks, observada por Norma (Peggy Lipton), Shelly empresta dinheiro à filha, Becky (Amanda Seyfried). Pouco depois, Becky deixa a lanchonete e se encontra com o marido, Steven (Caleb Landry Jones), que a espera do lado de fora. Rejeitado numa entrevista de emprego na firma de Mike (Gary Hershberger), Steven está frustrado, e é revelado que o casal usa drogas.

Em Dakota do Sul, depois de orientado por Gordon a gravar a ligação telefônica à que o sósia maligno de Cooper tem direito, o diretor do presídio assim o faz, mas exatamente durante o referido telefonema acontece uma pane no sistema que impede sua interceptação.

Enquanto isso, durante a autopsia do corpo decapitado encontrado no apartamento de Ruth Davenport é encontrada a aliança de casamento de Dougie Jones no estômago do cadáver. No Pentágono, impressões digitais do referido defunto são reveladas pertencer ao até então desaparecido Major Briggs.

6

No sexto episódio da temporada, sem conseguir se virar sozinho, Cooper é encontrado desorientado pela policia em frente ao prédio onde Dougie trabalha tarde da noite, e é levado de volta para a casa deste. Nisso, Janey-E recebe fotos de ameaça que mostram Dougie com a prostituta Jade. Pouco depois, Cooper começa a desenhar imagens criptografadas nos arquivos de casos que recebeu de seu chefe, o qual fica inicialmente furioso, para depois então compreender o padrão dos rabiscos à ponto de agradecê-lo. Em mais uma visão de Mike, este pede que Cooper acorde, enquanto Janey-E negocia e paga os débitos de Dougie com seus agiotas.

Albert encontra Diane (Laura Dern) em um bar. Ela é a ex-assistente de Cooper que jamais apareceu na série, e que na primeira temporada é apenas mencionada por Cooper como a pessoa à quem ele se dirige nas gravações que faz de suas constatações dos casos em que trabalha. Sendo ela a pessoa que Gordon menciona como a única capaz de ajuda-los à descobrir a verdade por trás das declarações do sósia de Cooper, Albert tenta convencê-la à ir à Dakota do Sul com eles, ao que ela se recusa.

Em Twin Peaks, Richard Horne (Eamon Farren) encontra com seu fornecedor de drogas, Red (Balthazar Getty), e é humilhado por este. Furioso, ele dirige velozmente, e ao fazer uma ultrapassagem acaba atropelando uma criança numa das cenas mais dramáticas da temporada. Carl Rodd (Harry Dean Stanton) testemunha o incidente e tenta confortar a mãe da criança.

Enquanto isso, no posto de policia, Hawk encontra a pista mencionada por Margareth. No banheiro, ele nota que o logo do fabricante das paredes divisórias é um chefe Nez Percé. Ao notar que um parafuso está faltando no alto de uma das portas, ele decide abri-la, ao que encontra três páginas com inscrições.

7

O sétimo episódio começa revelando que as três folhas encontradas por Hawk são as páginas desaparecidas do diário de Laura Palmer. Numa das inscrições, Laura descreve o sonho que teve em que Annie lhe conta que o bom Dale Cooper está preso na sala vermelha. Intrigado com a descoberta e o conteúdo do achado, Truman contata o Doutor Hayward (Warren Frost), o qual atendeu Cooper logo depois que ele voltou da floresta juntamente com Annie. A conversa o faz supor que Cooper não voltou exatamente como a mesma pessoa de antes.

A tenente Cynthia Knox (Adele René) chega em Buckhorn, Dakota do Sul, e fica chocada ao descobrir que as impressões digitais do Major Briggs foram extraídas de um cadáver sem cabeça e na faixa dos quarenta, quando ele deveria estar com setenta e poucos anos de idade. Ela transmite a descoberta via telefone ao coronel Davis (Ernie Hudson), enquanto uma estranha figura caminha pelos corredores do necrotério.

Enquanto isso, Gordon e Albert visitam Diane e conseguem convencê-la de ir com eles até o presídio onde o suposto Cooper se encontra. Ao visita-lo, ela fica desnorteada e aborrecida, para então admitir à Gordon que a pessoa com a qual conversou na sala de entrevista no presídio não é Cooper. Ao constatar que Diane descobriu a verdade, o sósia de Cooper chantageia o diretor do presídio para deixa-lo escapar.

Em Twin Peaks, Andy tenta descobrir o autor do atropelamento no episodio anterior, e consegue contatar o dono da caminhonete dirigida por Richard Horne durante o acidente. Os dois combinam de se encontrarem, mas o sujeito jamais aparece no lugar e horário combinados.

Em Las Vegas, na firma de seguros em que Dougie trabalha, o verdadeiro Cooper é visitado por policiais encarregados de investigar a explosão do carro de propriedade dos Jones. Janey-E aparece em tempo para evitar o interrogatório, e quando ela e Cooper deixam o prédio, o assassino por encomenda, Ike (Christophe Zajac-Denek), aparece com arma em punho para matar Dougie Jones. Cooper se joga para proteger Janey-E e desarma Ike, pressionando sua mão contra o revolver à mando do Homem de Outro Lugar. Ike consegue escapar, mas a arma é deixada para trás com suas impressões digitais.

8

Depois de deixar o presídio e escapar, o sósia de Cooper é morto por Ray. Estranhas formas fantasmagóricas aparecem e rasgam seu corpo, revelando um saco com o rosto de Bob (Frank Silva), a entidade maligna responsável pela morte de Laura Palmer na primeira temporada. Apavorado, Ray foge, não sem antes fazer uma ligação para Jeffries e deixar uma mensagem de que o sósia pode ter sobrevivido.

No que pode ser considerada até o momento a sequência mais surreal da temporada, talvez tanto quanto a viagem de Cooper de volta ao mundo real, ou mesmo a psicodélica sequência de perseguição na sala vermelha ao final da primeira temporada, o oitavo episódio segue no que parece uma tentativa de Lynch de confundir ainda mais a audiência ou de efetivamente conferir o que podem ser algumas respostas quanto à origem do mal que permeia o universo de Twin Peaks. A sequência é toda em preto e branco e começa em 1945, quando uma bomba atômica é detonada no Novo México. Pouco depois, uma loja de conveniência é ocupada por figuras fantasmagóricas.

Flutuando no vazio, o Experimento produz um fluxo de fluido. Nisso, um globo reproduz o rosto de Bob. Num prédio acima de um mar roxo, um homem parecido com o gigante vê a detonação, a loja de conveniência e Bob. Ele levita, e luz emana de sua cabeça. Lordita Dido (Joy Nash) entra, e uma esfera com o rosto de Laura Palmer em seu interior flutua até ela. Ela manda a esfera para a Terra.

Em 1956, no Novo México, uma criatura sai de um ovo no meio do deserto. Pouco depois, um madeireiro entra numa estação de rádio e mata a recepcionista. Sobrecarregando o disc jockey, ele repetidamente transmite as palavras “Esta é a água e este é o poço. Beba cheio e desça. O cavalo é o branco dos olhos e a escuridão interior”, fazendo com que todos os ouvintes fiquem inconscientes. A criatura que saiu do ovo entra no quarto de uma menina inconsciente e entra por sua boa até atravessar sua garganta. O madeireiro mata o disc jockey e vai embora.

Ao final do episódio, é revelado que o sósia de Cooper não morreu.

9

Depois de reviver, o sósia de Cooper encontra seus comparsas, Hutch (Tim Roth) e Chantal (Jennifer Jason Leigh). Ele manda uma mensagem de texto para Diane e faz uma ligação para Duncan Todd (Patrick Fischler) para saber se este já fez o que tinha que fazer. Depois, ele ordena que Hutch mate o diretor do presídio, informa que tem um trabalho à fazer em Las Vegas, e vai embora numa caminhonete.

Em Las Vegas, a policia descobre que não existe qualquer registro de Dougie Jones antes de 1997, e tira as impressões digitais dele extraídas de uma caneca de café. Logo depois, com as impressões digitais extraídas da arma de Ike, os investigadores o encontram e o cercam no hotel onde ele estava hospedado.

Em Twin Peaks, Truman e Hawk visitam Betty (Charlotte Stewart), mãe de Bobby e viúva do Major Briggs. Ela diz que muitos anos antes seu marido previu que eles iriam visita-la, e entrega-lhes um cilindro metálico cujo conteúdo são instruções sobre uma localização, data e o nome de Cooper escrito duas vezes.

Em Buckhorn, Gordon, Albert, Diane e Tammy visitam o corpo do Major Briggs, e são informados que o sósia de Cooper escapou do presídio. Tammy interroga Bill Hastings, e este admite que tinha um caso com Ruth Davenport, e que os dois visitaram o Major Briggs em outra dimensão, onde ele estava hibernando por vários anos. Bill ainda revela que testemunhou a decapitação de Briggs enquanto este repetia o nome Cooper, mas que não pode identificar o agressor, pois haviam inúmeras pessoas ao redor.

Precursora do gênero thriller de mistério com o longo suspense em torno da morte da personagem Laura Palmer na primeira temporada, bem como do horror surreal com o desvendamento dos segredos dos habitantes da fictícia Twin Peaks, a série amplia agora seu universo na terceira temporada com o desvelamento de alguns enigmas de sua primeira fase, trazendo agora à tona vários outros a serem investigados.

Com mais de duzentos personagens, e segmentos nos quais nada (ou muito pouco) acontece – o que nem por isso é menos interessante, afinal, trata-se essa de mera artimanha do mesmo diretor de Eraserhead, Veludo Azul, Estrada Perdida e Mulholland Drive –, Twin Peaks: O Retorno é prova cabal de que, tanto quanto o vinho, o talento apenas melhora com o tempo. Logo, David Lynch e Mark Frost podem se dar por satisfeitos ao conferirem uma continuação no mesmo nível do sucesso começado em 1990. E se Laura Palmer parece ser a resposta para tudo, apenas a segunda metade da temporada o dirá.

Twin Peaks é transmitida aos domingos pelo canal Showtime e disponibilizada às segundas-feiras via Netflix Brasil.

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios