Review do episódio #4.04 de Game of Thrones

Game-of-Thrones-Oathkeeper-1

Oathkeeper segue em continuação ao episódio Breaker of Chains de Game of Thrones, com uma cena em que Missandrei (Nathalie Emmanuel) aparece ensinando Grey Worm (Jacob Anderson) a ler e a falar a língua comum. Ela então revela sobre seu passado, quando capturada com apenas cinco anos de idade para se tornar escrava, e ele explica que não se lembra de sua cidade natal. De repente, Daenerys (Emilia Clarke) e Barristan (Ian McElhinney) os interrompe, e diz que chegou o momento.

0db4818ee5d8418ec1ebda084efbc541Grey Worm e outros soldados entram infiltrados em Meereen pelos túneis subterrâneos. Lá, um grupo de escravos discute uma possível rebelião. Grey Worm se junta a eles, e diz que «todos os homens devem morrer», e que um dia de liberdade é melhor do que uma vida acorrentado. Os escravos explicam que não tem armas para combater seus mestres, e os homens de Grey Worm despejam várias espadas de suas bolsas. A revolta tem início, e os escravos tomam a cidade. Daenerys toma Meereen e ordena que os mestres dos escravos sejam crucificados da mesma forma que as crianças escravas que encontrou no caminho.

Na capital, Bronn (Jerome Flynn) e Jaime (Nikolaj Coster-Waldau) continuam a treinar, e o regicida se sai bem até o momento em que Bronn o distrai arrancando sua prótese de ouro. Jamie pergunta se ele acha que Tyrion (Peter Dinklage) matou Joffrey (Jack Gleeson), e Bronn responde que veneno e morte não são seu estilo. Ao final, ele diz que Jamie deveria visitar o irmão, e especula se ele lutaria para salvá-lo de uma pena capital.

Mais tarde, Jamie visita Tyrion em sua cela, e se desculpa por não tê-lo visto antes. Tyrion pergunta sobre Cersei (Lena Headey), e Jamie admite que ela lhe pediu para matá-lo em vingança à morte de Joffrey. Tyrion pede que Jamie o ajude a escapar, mas quando este lhe diz que nada pode fazer, ele lhe pede então para ao menos tentar proteger Sansa (Sophie Turner), em cumprimento ao juramento feito à Catelyn (Michelle Fairley), e cuja cabeça também foi pedida por Cersei.

Enquanto isso, Sansa está no navio de Littlefinger (Aidan Gillen) e questiona para onde está sendo levada. Ele informa que está indo para Eyrie para se casar com sua tia, Lysa Arryn (Kate Dickie). Ela lhe pergunta se ele matou Joffrey, e ele lhe diz que esteve no Vale por várias semanas, e Sansa especula que ele teve ajuda de alguém. Littlefinger então revela que o colar que Sansa usou no casamento continha veneno, o qual fora usado para matar Joffrey, morte essa que, embora não lhe traga nenhum benefício, era de interesse de seus novos amigos.

Na capital, Olenna (Diana Rigg) está se despedindo de Margaery (Natalie Dormer), e insinua que a neta deve se conectar com Tommen (Dean-Charles Chapman), herdeiro do trono de ferro, lembrando de quando seduziu o noivo de sua irmã, que acabou optando por se casar com ela. Ao final, Margaery relembra o quão horrível foi a morte de Joffrey, e Olenna lhe diz que jamais a deixaria se casar com ele, revelando ser ela a autora do envenenamento.

No Castelo Negro, Jon Snow (Kit Harington) está treinando os novos recrutas, e entre eles, Locke (Noah Taylor), espião de Roose Bolton (Michael McElhatton). Ser Alliser Thorne (Owen Teale) o afasta da função, mandando-o cumprir tarefas insignificantes, lembrando-o de sua traição por ter se deitado com uma wildling e que Mestre Aemon (Peter Vaughan) não está ali para defendê-lo. O braço direito de Thorne aponta que todos gostam de Jon Snow, e que ele poderá ser escolhido para o comando, sugerindo que ele seja enviado para Fortaleza de Craster.

Cersei se enfurece com Jaime por manter apenas um guarda junto de Tommen para protegê-lo, e não esconde sua ira por ele ter ido visitar Tyrion. Ela então sugere que ele teria mudado de lado ao questionar o fato de Catelyn tê-lo deixado vivo, e que ela quer a cabeça de Sansa tanto quanto a de Tyrion.

Em seu quarto, Tommen escuta um barulho, e Margaery aparece. Ela se aproxima de seu leito, e ele lhe diz que Cersei não gosta que ele receba visitas. Margaery, no entanto, informa que os dois precisam se conhecer melhor agora que serão noivos, e pede que ele guarde segredo de sua visita, prometendo voltar outras vezes. Ele concorda.

br1No dia seguinte, Jaime presenteia Brienne (Gwendoline Christie) com a espada que lhe fora dada por Tywin (Charles Dance), feita com o aço Valeriano derretido de Gelo. Ele lembra a promessa feita a Catelyn de proteger Sansa e Arya (Maisie Williams), e lhe transfere tal tarefa. Ele também lhe presenteia com sua armadura, e Brienne aceita a tarefa, por Catelyn e por ele. Ao final, ele pede que ela leve Podrick (Daniel Portman) em sua busca por Sansa. Bronn entrega a Podrick um presente de Tyrion: o machado da batalha de Blackwater. Jaime pergunta a Brienne qual nome irá dar a espada, e ela responde «Oathkeeper», e vai embora.

No Castelo Negro, Sam (John Bradley) está preocupado com Gilly (Hannah Murray), e pretende trazê-la de volta, mas Jon tenta dissudi-lo da ideia. Os dois então falam de Bran (Isaac Hempstead Wright), e Sam lamenta não ter conseguido convencê-lo a vir com ele. Os dois então especulam que ele deve estar em Fortaleza de Craster, ao que Locke aparece para informar Jon Snow de que Thorne quer lhe falar.

No refeitório do Castelo Negro, Thorne avisa Jon Snow que ele poderá ir a Fortaleza de Craster, mas que não poderá levar ninguém, exceto voluntários, na certeza de que nenhum patrulheiro se oferecerá para ir com ele. Diante de Thorne, Snow faz um discurso acalorado no sentido de que devem fazer justiça a Jeor Mormont (James Cosmo), e vários patrulheiros se voluntariam para ir com ele, inclusive Locke.

Na Fortaleza de Craster, Karl (Burn Gorman), ex-patrulheiro negro, líder do motineiros, bebe vinho no crânio de Jeor Mormont, enquanto outros desertores estupram e espancam as filhas de Craster (Robert Pugh). Uma mulher aparece com o último filho homem nascido e informa que Karl deve dar continuidade às oferendas feitas por Craster. Ele então ordena outro desertor a levar a criança até a floresta, a qual é deixada sobre a neve.

Não muito longe dali, Bran, Hodor (Kristian Nairn) e os irmãos Jojen (Thomas Brodie-Sangster) e Meera Reed (Ellie Kendrick) estão acampados. Bran escuta o choro do bebê deixado na neve e usa sua habilidade warg para, na pele de Summer, descobrir o que é. Em sua exploração, ele encontra Ghost, o direwolf de Jon Snow aprisionado em Fortaleza de Craster. Summer, no entanto, cai numa armadilha, e Bran decide resgatar os direwolves.

got-oathkeeper-branNa Fortaleza de Craster, Bran, Hodor e os irmãos Reed avistam os desertores, e Meera decide que devem sair dali, mas os quatro acabam sendo surpreendidos. Hodor é amarrado e torturado, enquanto Karl questiona Bran e os irmãos Reed. Ele especula que Bran é filho de nobres a julgar por suas vestimentas, e ameaça matar Meera caso não digam quem são. Quando Jojen tem uma convulsão enquanto Karl segura uma faca no pescoço de Meera, Bran finalmente revela ser Brandon Stark de Winterfell. Satisfeito, Karl deixa Meera socorrer Jojen.

Numa imensidão de gelo, um cavaleiro branco tem o bebê deixado na floresta em seus braços. Ele se aproxima de um altar de cristal e o deita em sua superfície, afastando-se. Ao longe, vários cavaleiros brancos se aproximam. Outro cavaleiro se aproxima, toma a criança nos braços, e toca sua face, transformando sua pele e olhos em gelo, tal como todos os demais cavaleiros brancos, e o episódio termina.

Sinistro, e com várias alterações em relação à saga A Song of Ice and Fire, de George R.R. Martin, Oathkeeper inaugura uma nova fase da história, na qual novas tramas começam a ganhar forma na mão de personagens antes tidos como secundários.

Enquanto na capital o cerco se fecha para Tyrion, a formalização na sucessão do trono de ferro é uma questão de tempo, e Margaery dá início ao seu plano para finalmente se tornar rainha enquanto Cersei se mantém firme no propósito de vingar a morte de Joffrey, Daenerys consolida poderio militar inigualável do outro lado do mar Narrow, e Jon Snow protagoniza o iminente confronto dos patrulheiros da noite com o exército de Mance Rayder (Ciarán Hinds), bem como uma revanche contra os motineiros e assassinos do Comandante Mormont ao norte, na medida em que a ameaça dos Outros além da muralha ganha forma consoante revelação inesperada ao final, com o que parece ser a possível aparição do Rei da Noite.

535dbc70245ef3601913b8ad_1392607765207_screen-shot-2014-02-16-at-7.28.53-pm

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios