Review do episódio #4.01 de Game of Thrones

gameofthrones-two-swords

Two Swords marca a estreia da quarta temporada de Game of Thrones e não poderia ser em melhor estilo.

O episódio começa com Tywin Lannister (Charles Dance) observando a ancestral espada de aço Valeriano de Ned Stark (Sean Bean) sendo derretida e transformada em duas espadas menores. Ele então entrega uma de presente a Jaime (Nikolaj Coster-Waldau), que, impressionado, pergunta como foi possível, ao que Tywin explica que trouxe um ferreiro de Volantis, uma dentre as três únicas pessoas no mundo capazes de forjar aço Valeriano. Tywin então ordena que Jaime retorne a Casterly Rock, mas este se recusa, informando que irá servir a guarda real mesmo que tenha perdido a mão direita.

tyrionTyrion (Peter Dinklage), Bronn (Jerome Flynn) e Podrick (Daniel Portman) aguardam na estrada da capital a chegada da comitiva de Doran Martell para o casamento entre o Rei Joffrey (Jack Gleeson) e Margaery Tyrell (Natalie Dormer). Bronn sugere que os Martell tem sede de vingança contra os Lannister, mas Tyrion tenta desconversar, quando então chega a comitiva. Tyrion se apresenta, mas é informado que Doran Martell não veio, e que em seu lugar, a família vem representada por seu irmão mais novo, Oberyn, ao que Tyrion fica visivelmente apreensivo. Na sequência, ele é informado que Oberyn não gosta de recepções e que este chegará mais tarde. Tyrion então decide encontrá-lo antes que ele cause alguma confusão pela cidade.

No bordel de Littlefinger (Aidan Gillen), seu subencarregado, Olyvar (Will Tudor), apresenta a Oberyn (Pedro Pascal) e sua Irmã bastarda e amante, Ellaria (Indira Varma), algumas prostitutas. Os dois escolhem a menos tímida, e antes que comecem uma pequena festa particular incluindo Olyvar, Oberyn escuta alguém cantar Rains of Castamere, e vai até o salão, logo seguido de Olyvar e Ellaria. Lá, ele se estranha com soldados Lannister, e crava seu punhal na mão de um deles, quando então aparecem Tyrion e Bronn. Todos se apresentam, e Tyrion pede para lhe falar a sós.

oberynDo lado de fora do bordel, Tyrion agradece a visita, e Oberyn revela acreditar que Joffrey deve se sentir insultado por Doran não ter vindo. Tyrion então lhe pergunta por que ele realmente veio à capital, e Oberyn menciona sua irmã, Elia Martell, esposa de Rhaegar Targaryen, o último dragão, bem como os sobrinhos Rhaenys e Aegon. Ele então lembra que, embora Rhaegar tivesse se apaixonado por outra mulher, Lyanna Stark, Elia o amou muito. Oberyn então menciona a invasão dos Lannister e o massacre para a destruição do último Targaryen, com os assassinatos de sua irmã e sobrinhos. Por fim, ele pergunta a Tyrion se ele sabe o que houve com Elia, e ele lhe responde que sabe apenas rumores, ao que Oberyn explica que Gregor Clegane (Hafþór Júlíus Björnsson) a teria estuprado antes de parti-la ao meio com sua espada. Oberyn se despede dizendo que não são apenas os Lannisters que pagam seus débitos.

Do outro lado do mar Narrow, Daenerys Targaryen (Emilia Clarke) descansa com seus dragões, mas dois deles disputam uma presa, e o terceiro, ao seu lado, também briga. Ela tenta acalmá-lo, mas ele a agride. Assustada, ela é interrompida por Jorah (Iain Glen), que a faz lembrar da ferocidade dos dragões. Ela retorna para junto de sua tropa, e aparta uma aposta entre Daario Naharis (Michiel Huisman, que substitui Ed Skrein) e Grey Worm (Jacob Anderson), para então liderar seu exército a Meereen, a última das três cidades com escravos.

sansaNa capital, Sansa (Sophie Turner) recusa comer qualquer coisa, por mais que Shae (Sibel Kekilli) tente ajudar. De repente, Tyrion aparece, e pede para falar a sós com sua esposa. Frustrada, Shae os deixa. Ele então tenta acalmá-la, mas Sansa o lembra como foram mortos seu irmão Robb (Richard Madden) e sua mãe Catelyn (Michelle Fairley). Tyrion explica que os respeitava muito, sobretudo Catelyn, mas Sansa se recusa a continuar ouvindo o que ele tem a dizer, e vai embora. Em seu quarto, Tyrion encontra Shae, seminua, aguardando-o. Ele refuta qualquer investida da amante, explicando que o momento não é adequado, e menciona que Joffrey quer matá-lo, Sansa o odeia e Oberyn veio no intuito de matar todos aqueles que atendem pelo nome de Lannister. Furiosa, ela o deixa só.

Jaime experimenta uma prótese de ouro para substituir sua mão direita, e Cersei (Lena Headey) se mostra visivelmente irritada. Ela explica que odeia o fato de ter sido deixada por ele durante todo esse tempo, menciona a morte de Robert (Mark Addy), sua única filha ter sido levada para Dorne, e que agora seu filho irá se casar com uma bruxa de Highgarden, enquanto ela será obrigada a se casar com seu irmão, o notório mordedor de fronhas, Loras Tyrell (Finn Jones). Jaime então explica que conseguiu dobrar Tywin ao decidir ficar na capital, e que ela também pode consegui-lo. Ele tenta seduzi-la, mas Cersei o afasta, acusando-o de tê-la deixado.

jonAo norte, aguardando ordens de Mance Rayder (Ciarán Hinds), Ygritte (Rose Leslie) argumenta com Tormund Giantsbane (Kristofer Hivju), quando então são interrompidos por Styr (Yuriy Kolokolnikov) e seu grupo de canibais, Thenns. Enquanto isso, no Castelo Negro, Jon Snow (Kit Harington) é submetido a julgamento por Ser Alliser Thorne (Owen Teale), Ser Janos Slynt (Dominic Carter) e Mestre Aemon (Peter Vaughan) pelo assassinato de um dos patrulheiros da noite, Qhorin Halfhand (Simon Armstrong). Ele explica que também se deitou uma mulher, e que tudo o que fez foi para se aproximar dos wildlings e descobrir seus planos. Por fim, ele informa o plano de ataque de Mance Rayder, e enquanto Thorne pede sua execução, Mestre Aemon o libera.

Olenna (Diana Rigg) e Margaery escolhem colares para o casamento, e nenhum deles é bom o suficiente. De repente, Brienne of Tarth (Gwendoline Christie) se apresenta, e pede para falar a sós com Margaery. Ela explica que Renly (Gethin Anthony) foi morto por uma sombra que tinha o rosto de Stannis (Stephen Dillane), e que um dia irá vingar sua morte.

joffreyNo castelo, Jaime e Ser Meryn (Ian Beattie) discutem sobre a proteção do Rei durante as festividades do casamento, acompanhados de Joffrey, que parece despreocupado. Jaime explica que Stannis ainda é uma ameaça, mas Joffrey o rebate informando que ele o derrubou na Batalha de Blackwater, acusando-o de ter sido capturado e não ter sido útil na sua proteção. Joffrey então debocha do fato de que pouco consta a respeito de Jaime no Livro da Irmandade, e que nada mais constará devido à sua atual condição.

Enquanto isso, do lado do mar Narrow, Daario tenta conquistar Daenerys com uma rosa, mas quando ela o confronta, ele explica que está apenas lhe apresentando um pouco da cultura e do estilo de vida do povo recém-liberto numa estratégia para ela conquistá-los mais ainda. De volta ao caminho a Meereen, Daenerys vê o corpo de uma criança escrava enforcada na estrada. Ela pede que a enterrem, e quando Barristan (Ian McElhinney) informa que a guarda retirará todas as crianças escravas que estiverem enforcadas pelo caminho para que ela não as veja, Daenerys informa que quer ver o rosto de cada uma delas até chegar a Meereen.

jaimeNa capital, Sansa está nas rochas, observada de longe por Brienne, que cobra de Jaime que a leve de volta, tal como prometido à Catelyn Stark. Ele retruca no sentido de que Catelyn está morta, e que não existe lugar mais seguro agora para Sansa do que a capital. Brienne insiste que Arya (Maisie Williams) está sumida, mas Jaime explica que nem tem por onde começar nas buscas, e que Sansa agora é uma Lannister. Sentindo-se observada, Sansa decide retornar ao castelo pelos jardins. Ela nota que está sendo seguida, quando então é alcançada por Ser Dontos (Tony Way), ex-guarda real rebaixado a bobo da corte por Joffrey no dia da coroação. Ele agradece por Sansa ter intervenido para que o Rei poupasse sua vida, e lhe entrega um colar que pertenceu à sua mãe como presente. Ela recusa, mas ele insiste, informando que é a única coisa que lhe resta.

Em Riverlands, Sandor (Rory McCann) e Arya seguem agora viagem para o Vale, onde ele pretende entregá-la à sua tia Lysa (Kate Dickie) em troca de uma recompensa. Arya reclama do fato de não ter seu próprio cavalo, e os dois encontram uma taberna e espiam pelos arbustos. Arya identifica Polliver (Andy Kellegher) entre alguns soldados Lannisters, o homem que assassinou seu amigo Loomy (Eros Vlahos) e que roubou sua espada, Needle, e corre em direção ao lugar. Sandor tenta alcançá-la, mas alguém abre a porta da taberna, e os dois decidem entrar. Polliver reconhece Sandor e se aproxima para conversar. Após uma série de insultos, os dois começam a brigar, e os vários outros soldados partem para cima de Gregane, que derruba um a um. Arya, que observa tudo de longe, aproveita quando Polliver perde Needle de vista, e apanha sua antiga espada. Ela então lhe diz as mesmas coisas que ele disse a Loomy antes de matá-lo, e o executa da mesma forma, e o episódio termina com Sandor e Arya, agora em sua própria montaria, seguindo viagem para longe da taverna.

Para início de temporada, Game of Thrones retoma a saga de forma relativamente suave, com novas introduções, especificamente a de Oberyn, que já chega deixando claro suas verdadeiras intenções na capital, e tem provavelmente como ponto mais alto o reencontro de Arya com Needle e o retorno de Jaime.

Anúncios

Deixe um Comentário

Anúncios
Anúncios