Review do episódio #4.10 de The Walking Dead

TWD_410_GP_0830_0328a

Inmates segue em sequência aos episódios Too far Gone e After de The Walking Dead, e mostra o rumo tomado por outros membros do grupo de sobreviventes após a destruição do presídio pelo Governador (David Morrissey).

O episódio começa com Beth (Emily Kinney) narrando o que deve ter sido sua percepção após a descoberta do presídio ao início da terceira temporada, logo depois da tomada da fazenda de Hershell (Scott Wilson) por walkers, bem como sua expectativa de vida num lugar aparentemente seguro. É a primeira vez que a filha mais nova do veterinário está por conta própria no mundo devastado pelo apocalipse zumbi. Mas ela não está só. Acompanhada de Daryl (Norman Reedus), os dois seguem pela floresta, passam por uma trilha onde coelhos mortos dentro de um tronco são visíveis, e enfrentam walkers. Visivelmente devastado, Daryl é impulsionado por Beth, que insiste sair em busca de outros sobreviventes, para então descobrir mais mortes pelo caminho. Ela cai aos prantos, e fica nítido que os dois seguirão caminho por uma ferrovia.

TWD_410_GP_0830_0036Em algum outro lugar, Mika (Kyla Kenedy) e Lizzie (Brighton Sharbino) caminham pela floresta. Mika está choramingando e a irmã tenta acalmá-la. Logo à frente delas está Tyreese (Chad L. Coleman). Ele se vira para confortar a menina, e vemos Judith, viva e salva, em seus braços. À noite, enquanto Tyreese tenta fazer a filha de Rick (Andrew Lincoln) parar de chorar, sem ser percebida, Lizzie mata friamente dois filhotes de coelhos que encontra dentro de um tronco. Ruídos na floresta os fazem seguir viagem.

Na manhã seguinte, Mika se assusta com o que acredita serem walkers e corre para longe, para então ser alcançada por Tyreese que apóia sua atitude, mas reforça que não fuja para muito longe quando se sentir em perigo. Ao escutar gritos de uma mulher, Tyreese decide ir ajudar, e deixa Judith com as meninas. Enquanto tenta salvar pai e filho que lutam contra walkers à beira da ferrovia, Mika e Lizzie não conseguem fazer a bebê parar de chorar, e a mais velha abafa seu choro. Enquanto Mika sinaliza a aproximação de walkers, Lizzie não consegue parar de sufocar Judith, e parece entorpecida com a ideia de fazê-la parar de emitir qualquer som.

Quando Tyreese escuta disparos feitos por Mika, é tarde demais para pai e filho que lutavam por suas vidas na linha de trem. Todos os walkers foram mortos, mas ambos foram mordidos. Subitamente, Carol (Melissa McBride) aparece com Judith nos braços, acompanhada de Mika e Lizzie. Ela as salvou a tempo de serem mortas por walkers. Tyreese vai ao seu encontro, e enquanto Carol parece hesitante quanto ao fato dele saber ou não acerca da autoria da morte de Karen (Melissa Ponzio), ele simplesmente a abraça, feliz por revê-la.

Advertidos pelo pai atacado por walkers, e gravemente mordido no pescoço, de que devem seguir pela ferrovia, pois a mesma os levará para um lugar seguro, os cinco seguem viagem, e Carol explica que não estava no presídio, e mente que continuou a expedição sem Rick em busca de suprimentos, e que só chegou a tempo de ver tudo destruído. Ele sugere de voltarem, mas Carol o remove da ideia, e eles seguem em frente, onde encontram uma placa sinalizando uma suposta comunidade de sobreviventes adiante.

TWD_410_GP_0904_0068Em outro lugar, Maggie (Lauren Cohan), Sasha (Sonequa Martin-Green) e Bob (Lawrence Gilliard Jr.) se reabastacem com água, e Maggie os faz a ir em direção ao ônibus que partiu do presídio com alguns dos sobreviventes, dentre os quais, Glenn (Steven Yeun). Ao encontrarem o ônibus repleto de walkers aprisionados, Maggie decide liberá-los para saber se Glenn está entre eles. Um a um é morto pelos três e, ao final, seu marido não é um deles.

Nisso, vemos Glenn semi-inconsciente. Ele retornou para o presídio para encontrar Maggie, e agora está  cercado de walkers. Ele consegue entrar no bloco prisional onde moraram os sobreviventes, e vai até sua cela, para então cair na cama e desatar a chorar. Ao ver uma foto que tirou de Maggie, ele se levanta, pega um uniforme da SWAT, abastece-se de tudo o que consegue carregar, e sai para o exterior. Do lado de fora, ele consegue passar pelos walkers apenas com o uniforme, e então encontra Tara (Alanna Masterson) dentro de uma cerca. Ela lhe diz que participou da destruição do lugar, mas ele a convence a seguir em frente com ele.

TWD_410_GP_0909_0402Após saírem do presídio e chegarem à estrada, Tara menciona o assassinato de Hershel, e Glenn diz que ela deve seguir com ele para encontrarem Maggie. É então que alguns walkers emergem da floresta, e Glenn os ataca, mas, ainda fraco por conta da gripe, acaba desmaiando. Tara mata o último walker, ao que é surpreendida por um caminhão militar. Três pessoas fortemente armadas descem do veículo. O maior deles (Michael Cudlitz) se mostra impressionado ao vê-la esmagar a cabeça de um walker, e o episódio acaba.

Alívio para os fãs, o episódio Inmates mostra não apenas que os principais sobreviventes continuam firmes e fortes – a despeito dos momentos de desânimo, que não foram poucos –  como também que Judith, após a terrível revelação em Too far Gone de que pudesse estar morta, está salva. Infelizmente, temos agora cinco pequenos grupos separados, e como será o reencontro de alguns ou de todos, só saberemos ao longo dos próximos episódios.

De qualquer modo, não foi difícil de notar no episódio que cada grupo está bem amparado. Se de um lado temos um Daryl apático e que se vê em situações nas quais não se meteria não fosse por Beth, a garota também está lá para fazer com que ele siga adiante. Com uma narração que remonta aos seus anseios dentro do presídio, quando tinha esperança de uma vida relativamente normal e feliz, Beth agora enfrenta a dura realidade do lado de fora dos muros.

Movida pelo anseio de reencontrar Gleen, Maggie, por sua vez, arrasta Sasha e Bob, ao passo em que Tyreese e Carol tem a grande missão de manter um trio de crianças vivas, sem ao menos suspeitarem que uma delas possui desvio de comportamento e impulso assassino, o que ainda pode colocar a pequena Judith em perigo. Como se não bastasse, excluída por Rick, Carol ainda tem a culpa pela morte de Karen, e Tyreese como aquele que poderá fazê-la sofrer as consequências por seu ato desmedido, ainda que as regras dentro do presídio já não se apliquem mais do lado de fora, e a meta agora seja sobreviver e manter o máximo número de pessoas de seu próprio grupo vivos.

De um outro lado, temos Rick, Carl (Chandler Riggs) e Michonne (Danai Gurira). Embora longe de quaisquer dos grupos mostrados em Inmates, porquanto longes da floresta, eles ainda correm perigo na cidade, mas ainda assim são auto-suficientes.

Gleen e Tara, por sua vez, já não estão mais por conta própria. Encontrados por um novo grupo que parece estar em busca de sobreviventes que possam combater, ainda não sabemos se o trio de supostos militares é ligado a uma comunidade maior, se o aparente líder deles é Abraham Ford, ou se tem alguma conexão com ele, o que dará ensejo a um novo arco de histórias que envolverá disputas de liderança.   

Deixe um Comentário