12 Years a Slave : Road to the Oscars

12-years-a-slave-22-01-2014-7-g

12 Years a Slave (2013)*****

Inspirado na autobiografia de Solomon Northup, 12 Years of Slave surge como a grande aposta para o prêmio de melhor filme de 2014 pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. Dirigido por Steve McQueen, o longa-metragem conta a incrível e sofrível história do fazendeiro e músico Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor), que é sequestrado e vendido como escravo.

A película tem início com Solomon já escravo, para então, através do recurso do flashback revelar o início de sua trajetória até aquele momento. Homem livre em Saratoga, New York, ele é filho de pais libertados. Fazendeiro e violinista, ele tem uma pequena propriedade, é casado com Anne (Kelsey Scott), e tem dois filhos pequenos: Margaret (Quvenzhané Wallis) e Alonzo (Cameron Zeigler).

Quando surge a oportunidade de uma apresentação bem remunerada com dois outros artistas itinerantes, Merill Brown (Scoot McNairy) e Abraham Hamilton (Taran Killam), Solomon decide ir com eles para Washington DC, onde acaba sendo embriagado e drogado com belladonna, para então ser vendido ao mercador de escravos James Burch (Christopher Berry), que o transporta para New Orleans juntamente com outros sequestrados, onde é então vendido para Theophilus Freeman (Paul Giamatti).

Em situação sub-humana, Solomon adquire o nome Platt e é vendido para o fazendeiro William Ford (Benedict Cumberbatch) que, a despeito de ser uma boa pessoa e de tratar bem seus escravos, é cego pela instituição da escravatura. Lá, ele começa a ser perseguido por John Tibault (Paul Dano), para quem é vendido. Após uma desavença entre os dois, Tibault tenta enforcá-lo, mas acaba sendo dissuadido por conta de uma dívida com Ford, que para salvar Solomon da morte certa o vende para o temível Edwin Epps (Michael Fassbender).

Na fazenda de algodão de Epps, onde passa a viver nas mais terríveis condições como escravo, Solomon sofre castigos por não cumprir a quota de colheita diária, e conhece Patsy (Lupita Nyong’o), vítima de abusos de seu patrão. Após inúmeras tentativas de fuga e de contatar sua família e amigos em New York, Solomon acaba conhecendo o carpinteiro canadense Samuel Bass (Brad Pitt), cujas ideias abolicionistas fazem com que ele lhe revele toda sua história, o que poderá finalmente lhe fazer alcançar a tão almejada liberdade.

A película é belissimamente produzida, e Chiwetel Ejiofor desempenha com maestria o personagem Solomon. Forte candidato ao prêmio de melhor filme nos Academy Awards, 12 Years a Slave é talvez a mais dura e realista adaptação de uma história de escravatura. Sem sombra de dúvidas uma produção que não pode e não merece passar despercebida!

 

Deixe um Comentário